domingo, 29 de novembro de 2020

COINCIDÊNCIA? Ibope erra para mais em sete capitais os percentuais de votos de candidatos de esquerda

Considerando as últimas pesquisa do Ibope divulgadas antes do pleito deste domingo (29), o instituto além de não cravar, em alguns casos errou até além da margem de erro os percentuais obtidos pelos candidatos de esquerda no segundo turno das Eleições 2020.

A maior diferença em pontos percentuais foi em relação aos votos projetados e recebidos pelo candidato José Sarto, que até venceu a eleição em Fortaleza, mas não com a diferença apontada pelo instituto.

Em Porto Alegre, o ibope foi além, projetou vitória da candidata Manuela D’ávila do PC do B em Porto Alegre, mas ela foi derrotada por Sebastião Melo que obteve 54,63% dos votos contra 45% de Manuela.

Outro erro aconteceu na pesquisa de Vitória, no Espírito Santo. Com nove pontos percentuais a menos que o projetado pelo Ibope, João Coser, do PT, perdeu as eleições para o Delegado Pazolini (Republicanos), eleito com 58,5% dos votos.

Nenhum comentário: