Pix é liberado para os clientes de todos os bancos nesta segunda-feira (16)

O Pix, sistema de pagamentos instantâneos do BC (Banco Central), passa a estar disponível nesta 2ª feira (16.nov.2020) para toda a população. A ferramenta permite fazer transferências em tempo real a qualquer momento, inclusive horário não comercial e aos finais de semana.

A opção de transferência e pagamento estará disponível nos aplicativos dos bancos e outras instituições financeiras. A tecnologia promete deixar TED e DOC obsoletos. De 3 a 15 de novembro, o Pix esteve em fase de testes para parte do público.

Até 22h30 de domingo (15.nov), o painel do BC mostrava que R$ 734,39 milhões foram movimentados em 1.749.079 operações.

No mesmo horário, 71.331.392 Chaves Pix haviam sido criadas, que serão facilitadores nas transferências. Com ela, o cliente bancário não precisa preencher todas as informações do destinatário ao fazer uma operação.

O código da chave pode ser o celular, o CPF, o CNPJ, o e-mail ou 1 número aleatório. Cabe à pessoa escolher. A maioria (25.996.495, ou 36%) optou pelo CPF.

Do total, 68,3 milhões são de pessoas físicas, enquanto há 2,99 milhões de pessoas jurídicas.

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, participará do lançamento do Pix às 9h30. O evento será virtual e poderá ser acessado no canal da instituição financeira no YouTube.

Poder 360

Postar um comentário

0 Comentários