Urgente: Barroso adia eleição em Macapá

Luís Roberto Barroso decidiu adiar a eleição em Macapá. Ele atendeu ao pedido apresentado hoje pelo TRE do Amapá, que alertou para a possibilidade de vandalismo e protestos nos locais de votação no próximo domingo (15), em razão do apagão no estado.

Não foi definida uma nova data para o primeiro e eventual segundo turno da disputa. Na decisão, considerou riscos de “instabilidade do fornecimento da energia, aumento expressivo da criminalidade e sinais de convulsão social”. Estão aptos a votar 292.718 eleitores na capital.

“Tendo consultado todos os demais membros do Tribunal, SUSPENDO a realização das eleições municipais de Macapá/AP, até que se restabeleçam as condições materiais e técnicas para a realização do pleito, com segurança da população. Esclareço que a suspensão abrange a previsão de realização do 1º e do 2º turnos, marcados para os dias 15 e 29 de novembro, respectivamente, ficando a designação de novas datas submetida a ato posterior”, escreveu na decisão.


Postar um comentário

0 Comentários