quarta-feira, 25 de março de 2020

Filhos de Bolsonaro e aliados defendem pronunciamento do presidente

Carlos, Flávio, Jair e Eduardo Bolsonaro durante viagem a Taiwan, em 2018 Foto: Reprodução

Flávio Bolsonaro (sem partido), senador

"@jairbolsonaro fala a verdade ao povo brasileiro: proteger os mais vulneráveis (idosos e com doenças pre-existentes) e retomar a normalidade no país! Outros líderes mundiais já esboçam iniciar o mesmo movimento. Com coragem, Presidente @jairbolsonaro faz pronunciamento para que onda do coronavírus seja menos mortal que a onda da recessão, logo a seguir."

Eduardo Bolsonaro (sem partido), deputado federal

"Líderes mundiais se preparam para o fim do confinamento. Resguardar os grupos de riscos e permitir que a epidemia tenha sua natural curva de declínio – igual foi com o H1N1, que é mais letal do que o coronavírus – sem que com isso a recessão destrua todos os países."

Nenhum comentário:

Compartilhamentos