Pular para o conteúdo principal

PI 072813 (02)

PI 072813 (02)

Torreão FM web

PI 072813 (01)

PI 072813 (01)

ALRN PI 011818 28 03 24

ALRN PI  011818   28 03 24

LAPAC JOÃO CÂMARA - 3262-3478 - 99401-7616

GOVERNO DO RN

GOVERNO DO RN

Caern divulga balanço 2023 e apresenta lucro de R$ 63 milhões


Mantendo a tendência de bons resultados nos balanços dos últimos anos, a Caern apresentou em 2023 um lucro líquido de R$ 63,102 milhões, número que traduz aumento expressivo em relação ao ano anterior, quando o lucro foi de R$ 12 milhões. É o melhor desempenho dos últimos anos e anima a companhia nos seus planos de investimento maciço em obras de saneamento.

Os principais números mostram: A receita operacional líquida de serviços de água e esgoto alcançou R$ 986,626 milhões, um aumento significativo de 25% em relação aos R$ 788,342 milhões registrados em 2022.

O resultado foi conseguido através da adoção de medidas que possibilitaram um incremento na receita líquida, traduzido nesse aumento de R$ 198,284 milhões em relação ao ano de 2022, fruto do reequilíbrio econômico-financeiro e melhora na capacidade operacional da companhia.

“É um resultado histórico”, comentou o diretor presidente da Caern, Roberto Sérgio Linhares. “É o quinto bom resultado seguido, com a Caern dando lucro e o mais importante, sem ressalvas pela auditoria externa/independente. No entanto, mesmo com o entusiasmo que comemoramos tal resultado, é um lucro cujo montante não é nem próximo do que é necessário para os investimentos que a companhia precisa fazer para a universalização da água e esgoto no RN. Por sua vez, o ponto positivo é que todo lucro gerado pela companhia é reinvestido nesse objetivo objetivo da universalização”.

Ele se refere ao momento que a Caern vive no cenário do saneamento básico brasileiro. Todos os esforços são no objetivo de cumprir o que preconiza o Marco Legal do Saneamento, que no caso do Rio Grande do Norte estabelece metas de cobertura a serem atingidas em abastecimento de água e esgotamento sanitário até 2033. “Então é trabalhar nessa linha, buscar a universalização, gerar resultados positivos e agregar para que se busque realmente cumprir com as metas, reforçando que precisamos do braço operacional e financeiro do setor privado para cumprimos essas metas”, acrescentou.

BOM CAMINHO

De acordo com o Relatório Integrado de Gestão 2023, a companhia marcou índices positivos em diversos setores. O destaque é o quesito investimentos em obras, onde foram aplicados R$ 144 milhões, sendo que somente R$ 20 milhões foram provenientes de convênios, a maior parte sendo de recursos próprios. Na renovação de ativos (substituição e manutenção de equipamentos), foram investidos R$ 35 milhões em 2023.

Atualmente, a Caern está executando obras em todo o Rio Grande do Norte, perfazendo um total de investimentos que passa de R$ 1 bilhão. No ano passado, entre os principais investimentos em abastecimento de água, destacam-se a ampliação do Sistema de Abastecimento de Água de Mossoró, no valor de R$ 15 milhões, a Adutora Pau dos Ferros, de R$ 3,8 milhões, e os sistemas de Parnamirim e Caraúbas, onde foram investidos respectivamente R$ 1,5 e R$ 1,2 milhão. Entre os investimentos em esgotamento sanitário, destacam-se R$ 12 milhões em Parelhas, R$ 16 milhões em Parnamirim, R$ 11 milhões em Caicó e R$ 48 milhões em Natal.

Para 2024, está prevista a conclusão de 11 obras de infraestrutura, sendo uma delas a Estação de Tratamento de Esgotos Jaguaribe, na Zona Norte de Natal, que terá o seu primeiro módulo entrando em operação até o final do ano. 

A companhia se prepara para os desafios futuros, com investimentos crescentes, e para isso se ampara nos bons índices de desempenho que vem apresentando e o reconhecimento de sua capacidade operacional e econômico-financeira. Em 2023, a Caern manteve a nota de risco A+, concedida pela agência Fitch Ratings, refletindo a confiança do mercado em sua gestão e estabilidade financeira.

Comentários