segunda-feira, 23 de março de 2020

ADVOGADO ALDO TORQUATO DEFENDE PRORROGAÇÃO DOS MANDATOS

Diante da crise que vive o nosso país, crise essa que deverá se agravar até limites insuportáveis, dadas as consequências maléficas do CORONAVÍRUS, com a minha experiência de 50 anos de vida pública, não vejo outro caminho que não seja a prorrogação dos mandatos dos atuais prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. 

Assim, em 2022 teríamos eleições em todos os níveis e com mandatos de 5 anos, sem direito à reeleição. Esta é uma oportunidade única, que se apresenta, paradoxalmente, diante de um momento de comoção nacional, consagrando a máxima popular de que "não há mal que não traga um bem". 

Sinto que a população não aceitará impassível ver serem gastos 2,3 bilhões de reais em campanhas eleitorais, enquanto o desemprego assola grande parte dos cidadãos, as empresas fecham suas portas, a doença abarrota os hospitais e enche os cemitérios. 
É hora de decisão!

Um comentário:

Unknown disse...

ACREDITO QUE NÃO!! o presidente Jair Bolsonaro foi eleito fazendo 90% da sua campanha nas redes sociais. até o momento da eleição já vai ter aparecido os medicamentos para curar a doença. o processo da votação não será prejudicado.
prorrogar mandatos por dois anos é uma atitude oportunista.
não será necessário tal procedimento.
em no máximo 90 dias a doença já vai está sob controle.
não vejo possibilidade de prejuízo ao processo eleitoral.

Compartilhamentos