Em nota Prefeito de João Câmara diz: Salário de Prefeito e secretários permanece o mesmo aprovado em 2016, congelado até 2024


A assessoria de Comunicação da Prefeitura de João Câmara acaba de publicar NOTA OFICIAL na qual esclarece que o Projeto de Lei número 006/2020, estabelecendo os subsídios dos agentes políticos do executivo municipal, tem como finalidade fixar os valores aprovados em 2016 ainda na administração do ex-prefeito Vavá, congelando-os até o exercício do ano de 2024. Confira:
NOTA OFICIAL
O prefeito de João Câmara, professor Manoel dos Santos Bernardo, agindo com transparência e respeito ao povo camarense, vem por meio desta nota, comunicar que o projeto lei de número 006/2020, estabelecendo os subsídios dos agentes políticos do executivo municipal de João Câmara, tem como finalidade fixar os valores aprovados em 2016 na administração do então gestor Ariosvaldo Targino de Araújo, congelando-os inclusive até o exercício do ano de 2024. Isto posto, primando pela veracidade dos fatos, contamos com a compreensão dos nossos munícipes na certeza de que as possíveis dúvidas sobre a matéria em destaque tenham sido devidamente esclarecidas.
             João Câmara, 20 de junho de 2020

Postar um comentário

0 Comentários