Filme gravado no RN lidera indicações do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro


A Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais divulgou, nesta quinta-feira (27), os finalistas do 19º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. A premiação será no dia 10 de outubro, com cerimônia transmitida pela TV Cultura. 

A abertura dos envelopes com os vencedores será ao vivo e o Troféu Grande Otelo será entregue diretamente na casa de cada um deles, depois da premiação. Entre os destaques desta edição está o filme Bacurau, com um total de 15 indicações. O longa foi gravado nas cidades de Parelhas e Acari, cidades do Rio Grande do Norte. O filme foi gravado em 2018 e contou com a participação de vários moradores da região como figurantes.

Os finalistas concorrem em 32 categorias e foram escolhidos em votação pelos sócios da Academia. Liderando em indicações está Bacurau, dirigido por Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, seguido por A Vida Invisível, de Karim Aïnouz (14 indicações) e Simonal, de Leonardo Domingues (10 indicações). Na categoria de Melhor Longa-metragem Ficção também concorre o pernambucano Divino Amor, de Gabriel Mascaro. Já em Melhor Documentário, o longa Estou me Guardando para Quando o carnaval chegar, de Marcelo Gomes, representa a produção pernambucana na categoria.

A lista reúne um total de 200 profissionais indicados, 35 longas-metragens brasileiros e 10 longas estrangeiros. Ao todo, este ano também estão na disputa 15 curtas brasileiros. No ano em que o Grande Prêmio homenageia coletivamente a indústria audiovisual, foram inscritos mais de 1.300 profissionais nas diferentes categorias, 81 longas de ficção, 56 longas documentários, 64 curtas-metragens, 82 séries brasileiras, 37 longas-metragens internacionais, 14 longas ibero-americanos.

"Mesmo diante de tantas adversidades, estamos realizando o Grande Prêmio, e este ano vamos homenagear o trabalho dos milhares de profissionais que dedicam suas vidas a encantar as nossas vidas. Não foi fácil, mas o Grande Prêmio tinha que acontecer", diz Jorge Peregrino, presidente da Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais. O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro é votado por profissionais das mais diversas áreas do setor que são associados à Academia, entidade aberta a toda a classe.

Com informações do Diário de Pernambuco

Fonte: Portal Grande Ponto

Postar um comentário

0 Comentários