domingo, 21 de fevereiro de 2021

STF deu um “tiro no pé” de todo o judiciário

abertura do terceiro dia de julgamento sobre a validade da prisao em segunda instancia no supremo tribunal federal stf STF deu um “tiro no pé” de todo o judiciário

Com os frequentes ataques a outros poderes, principalmente por meio de decisões monocráticas de ministros da suprema corte, o STF atraiu a atenção dos demais poderes que estão em estado de alerta, primeiro com restrições a governabilidade do poder executivo por meio de uma decisão monocrática do Ministro Alexandre de Moraes, o STF restringiu a nomeação do diretor da Polícia Federal, prerrogativa exclusiva do presidente da república.

Depois, através de outra decisão monocrática, alguns parlamentares tiveram suas vidas devassadas por mais uma decisão monocrática do Ministro Alexandre de Moraes que tem o apoio de pelo menos 6 ministros que apoiaram o uso desses expedientes para diminuir a pressão sobre eles.

Por último o STF fez a câmara passar pelo maior constrangimento até agora depois da redemocratização com a prisão sem consulta a casa legislativa de um deputado federal, vedação prevista na constituição, por mais uma decisão monocrática do Ministro Alexandre de Moraes.

Diante disso, os outros poderes acenderam a luz vermelha, o STF “esticou a corda” demais, a resposta virá através de sanções como o endurecimento da lei de abuso de poder e delimitação de poderes ao poder judiciário, o STF conseguiu desagradar a “gregos e troianos” e a prisão de Daniel Silveira talvez tenha sido a gota d’água que faltava para transbordar a vasilha da impaciência que já estava cheia.

Júnior Melo (jornalista e advogado)

Um comentário:

Anônimo disse...

Falou pouco, mas falou merda. kkkkkkkkk