Pular para o conteúdo principal

Radio Conexão Mato Grande Play

LAPAC JOÃO CÂMARA - 3262-3478 - 99401-7616


'Maré vermelha': mais de 500 pessoas são intoxicadas em praias do Nordeste


Unidades de saúde de Alagoas e Pernambuco atenderam, esta semana, 538 pessoas que se intoxicaram após tomar banho de mar em águas supostamente contaminada com o fenômeno da maré vermelha.

Em Pernambuco, a cidade afetada foi Tamandaré, litoral sul do estado, onde fica a famosa praia dos Carneiros.

Entre 26 e 30 de janeiro, 278 pacientes foram atendidos no Hospital Municipal com casos suspeitos. Desses, cerca de 200 eram pescadores.

Os casos levaram a Secretaria Estadual de Saúde a fazer uma visita técnica ontem para identificar e mapear os possíveis casos de intoxicação relacionada ao fenômeno.

Em nota, a Secretaria de Saúde informou que "não há, neste momento, orientação para evitar a ida ao mar ou praia, bem como para evitar o consumo de moluscos (mariscos, ostras e sururu)."

A população deve estar atenta ao odor e à coloração da água do mar, que podem sinalizar possíveis novos episódios. Nessa situação, deve-se evitar a proximidade com os locais afetados.
Secretaria de Saúde de Pernambuco

 

Em Alagoas, foram contaminadas as praias do Carro Quebrado e da ilha da croa, em Barra de Santo Antônio, litoral norte de Alagoas.

No local, 260 pessoas foram atendidas entre quarta-feira e ontem. Dessas, 245 receberam atendimento na própria cidade e 15 foram para uma cidade vizinha, Paripueira.

A Prefeitura de Barra de Santo Antônio solicitou ajuda da Ufal (Universidade Federal de Alagoas), que hoje coletou água para fazer testes. O IMA (Instituto do Meio Ambiente) de Alagoas também coletou amostras para avaliar a qualidade da água.

Tanto em Pernambuco quanto em Alagoas, os pacientes apresentaram os seguintes sintomas:

  • Dor abdominal, de cabeça e no corpo
  • Mal-estar
  • Náusea
  • Vômitos
  • Irritação nos olhos, na garganta e na pele

Outros possíveis sintomas do contato com águas contaminadas são, de acordo com o IMA:

  • Diarreia
  • Falta de ar
  • Olhos secos

Fonte: Uol


Comentários