Messi é eleito melhor do mundo pela sexta vez


O argentino Lionel Messi foi eleito nesta segunda-feira pela sexta vez o melhor jogador do mundo. O jogador do Barcelona se tornou isoladamente, deixando para trás Cristiano Ronaldo, o maior vencedor da história do prêmio no futebol masculino – a brasileira Marta já conquistou o prêmio seis vezes no feminino. A entrega do prêmio Fifa The Best foi realizada em Milão, na Itália.
“Sempre digo que o prêmio individual é secundário, o mais importante é o coletivo. Mas hoje é especial para mim, tive a oportunidade de estar ao lado da minha mulher e de dois dos meus três filhos. O Thiago já veio aqui mas era muito pequeno, hoje vê-los ali não tem preço. São dois apaixonados por futebol e estão adorando ver tantos jogadores aqui, não sabem se pedem autógrafos, estão tímidos”, afirmou o jogador argentino.
Considerado como um dos maiores jogadores de todos os tempos, Messi possuía cinco prêmios de melhor jogador do mundo, quatro dos quais ele ganhou consecutivamente e um recorde de seis Chuteiras de Ouro. O argentino de 32 anos passou toda a sua carreira profissional no Barcelona, onde conquistou 34 troféus, incluindo 10 títulos do Campeonato Espanhol, quatro da Liga dos Campeões e seis da Copa do Rei.
Craque e goleador, Messi detém, entre outras marcas, o recorde de mais gols em jogos do Campeonato Espanhol (419) e mais gols em uma temporada na Europa (50). Já marcou 682 gols na carreira pelo clube e pela seleção da Argentina.

Postar um comentário

0 Comentários