Enquanto alguns trocam cargo por apoio politico, Messias Araújo solicita pela 2ª vez e prefeito Manoel atende, exonerando sua esposa Celiane

Em 14 de fevereiro 2020, o radialista Messias Araújo afirmou durante uma entrevista  a imprensa local, que estava deixando o sistema do ex prefeito Maurício Caetano, e daquele dia em diante seria livre politicamente falando.

Após ser questionado sobre o cargo que sua esposa ocupava na prefeitura, Messias afirmou que a mesma havia pedido exoneração, mas não foi atendida pelo governo municipal.

Neste sábado 15 de agosto, tivemos acesso a um documento que comprova o que foi dito por Messias naquele dia, comprovando o pedido de exoneração da sua esposa no mesmo dia da entrevista. 

Diferente da pratica de alguns políticos, que trocam apoio por cargos, a esposa de Messias reiterou seu pedido de exoneração ao prefeito Manoel no dia 13/08/2020, e dessa vez foi atendida, conforme publicado na edição do diário oficial do dia 14 de agosto de 2020.

Portanto Maria Celiane Vicente da Silva Araújo foi exonerada do cargo que ocupava e não trabalha mais na prefeitura de João Câmara.


Postar um comentário

0 Comentários