Vereador e secretários de Goianinha são alvos de operação que investiga grampos telefônicos e clonagem de redes sociais

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (5), equipes da 6° Delegacia Regional de Nova Polícia Civil de Nova Cruz (RN) e da Divisão de Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) deflagraram a “Operação Araponga”, que investiga uma organização criminosa que é apontada como responsável pela realização de interceptações telefônicas clandestinas e clonagem de redes sociais de autoridades e políticos da região Agreste potiguar.
Foi preso por força de mandado judicial um profissional de TI e foram alvos de mandados de busca e apreensão um vereador e dois secretários municipais de Goianinha, além de um ex-prestador de serviços do Fórum de Justiça da cidade.
De acordo com o delegado Wellington Segundo, titular da 6ª DRP, os nomes dos envolvidos não podem ser revelados porque o caso está em segredo de Justiça.
Espionagem

Postar um comentário

0 Comentários