Padre goiano diz que uso de máscaras e álcool gel são absurdos, Veja vídeo

 

No momento mais grave da pandemia de Covid-19 no Brasil, com mais de 3 mil mortes diárias e falta de leitos hospitalares em todo o país, o padre Luiz Carlos Lodi da Cruz, de Anápolis (GO), a 55 quilômetros de Goiânia, aparece em um vídeo negando e ironizando os protocolos contra o contágio do novo Coronavírus.

No vídeo de 54 minutos, divulgado no último domingo (21/3), no canal Centro Dom Bosco, no Youtube, e denunciado pelo perfil BCovidfest, o religioso critica a suspensão das missas presenciais, com base na própria opinião e nas regras da instituição católica, além de ironizar o uso de máscaras, álcool gel e o isolamento social.

De acordo com o padre negacionista, no primeiro ano de pandemia, “obedeceu” as regras, mas agora, “com a cabeça mais tranquila”, revela que pensa: “será que eu deveria ter obedecido? Agora vejo que errei por excesso”.

“Hoje, se eu recebesse a ordem de ser proibido de celebrar a eucaristia para o público, e proibido de dar a comunhão, eu agora, com a cabeça tranquila, depois de ter pensado, agora eu, sem escrúpulos de consciência, não obedeceria. Continuaria a celebrar missa em público”, declara, incentivando outros padres a fazer o mesmo.

Postar um comentário

0 Comentários