BTemplates.com

Pular para o conteúdo principal



Professores de Natal mantêm greve e aprovam manifestações de rua contra gestão Álvaro Dias

Os professores da rede municipal de Natal decidiram continuar em greve por tempo indeterminado. A decisão saiu em Assembleia realizada quarta-feira (20), no auditório do SINTE/RN.

A categoria luta pelo reajuste de 33,24% relativos à atualização do Piso Salarial e derrubada do projeto de lei que, segundo o sindicato, pode acabar com a carreira. Além da decisão em manter a paralisação, os professores aprovaram uma série de atividades a partir da próxima segunda, 25 de abril.

Segundo o sindicato, a categoria está indignada com “as mentiras contadas pela gestão municipal sobre os valores dos salários”. Na assembleia que definiu os próximos passos da movimentação, a assessoria jurídica do Sinte/RN esteve presente para esclarecer pontos do aspecto legal da paralisação.

A advogada Sylvia Dutra disse que ainda não conseguiu dialogar com o desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, Virgílio Macêdo Júnior, que determinou a retomada das aulas, multa ao Sindicato e desconto dos salários dos professores. No entanto, afirmou que a expectativa é que a conversa aconteça na semana que vem.

Após a assembleia, os professores seguiram em passeata para a Prefeitura de Natal e lá se juntaram ao movimento de profissionais da saúde pública da capital, estudantes, militantes dos movimentos que lutam em prol de moradia digna, membros de movimentos sociais e representantes de centrais sindicais. Na ocasião, os manifestantes pautaram a situação da educação, do transporte público, da saúde e da falta de moradia para pessoas em situação de vulnerabilidade.

Atos programados, de acordo com o Sinte-RN:

Dia 25 – Segunda-feira
8h-12h – Visita às escolas
14h-17h – Acampamento de greve em frente à Câmara Municipal de Natal

Dia 26 – Terça-feira
9h – Ato em frente à Secretaria Municipal de Educação (SME) para denunciar as mentiras contadas pelo município
14h-17h – Acampamento de greve em frente à Câmara Municipal de Natal

Dia 27 – Quarta-feira
Manhã – Ato na Avenida Itapetinga, Zona Norte de Natal (manhã)

Dia 28 – Quinta-feira
8h-17h – Acampamento de greve em frente à Câmara Municipal de Natal

Dia 29 – Sexta-feira
9h – Assembleia de greve, no auditório do SINTE/RN

Agência de reportagem Saiba Mais, Foto: Lenilton Lima

Comentários