Servidor de universidade do RN reage a assalto e é morto com tiro no peito

Uma tentativa de assalto terminou com a morte de um funcionário da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), na Ilha de Santa Luzia, em Mossoró. O crime aconteceu na noite desta segunda-feira (28).

De acordo com informações da Polícia Militar, José Mário Moura Pinto, de 64 anos, estava sentado na calçada da casa de familiares, acompanhado da esposa, quando um casal se aproximou do local e anunciou o assalto. O idoso teria reagido e entrado em luta corporal com o homem, enquanto a esposa dele e uma terceira pessoa tentaram conter a suspeita.

Na confusão, José Mário acabou sendo atingido por um disparo no tórax e acabou não resistindo. Uma unidade do Samu ainda chegou a ser acionada, mas a vítima já estava sem vida. As informações são do Mossoró Hoje.

Os dois suspeitos conseguiram fugir. Segundo a PM, a motocicleta que o casal estava usando havia sido tomada de assalto pouco tempo antes.

O caso será investigado pela delegacia especializada em homicídios de Mossoró.

A Ufersa emitiu uma nota de pesar. Leia:

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido, por meio do Centro de Ciências Agrárias, vem externar profundo pesar pelo inesperado falecimento do servidor técnico-administrativo, José Mário Moura Pinto, ocorrido no início da noite desta segunda-feira, 28, após o servidor ter sido vítima de tentativa de assalto. José Mário Moura Pinto exercia a função de técnico de laboratório.

A Ufersa deseja muita força, e externa solidariedade de toda a comunidade acadêmica à família enlutada neste momento difícil, decorrente da violência urbana que assola os centros urbanos.

Fonte: Portal Grande Ponto

Postar um comentário

0 Comentários