segunda-feira, 23 de agosto de 2021

Quadrilha é suspeita de desviar R$ 300 milhões de verbas de combate à pandemia


Uma quadrilha é suspeita de ter desviado mais de R$ 300 milhões de verba pública que deveria ter sido usada para combater a pandemia da covid-19. As informações foram divulgadas nesse domingo (22.ago.2021) pelo Fantástico, da TV Globo, e reproduzidas pelo Poder 360.

A publicação teve acesso a investigação da Polícia Federal que pediu a prisão de 61 pessoas. De acordo com a investigação, o valor foi usado na compra de carros de luxo, aviões, cabeças de gado e fazendas. A PF aponta Nicolas André Morais, um dos maiores pecuaristas do Pará, como o operador financeiro da quadrilha. Em uma ocasião, ele transportou R$ 6 milhões em dinheiro vivo, em um avião particular.

A investigação mostra que ele chegou a ter 180 mil cabeças de gado. Ele é dono de fazendas, outros imóveis, carros de luxo e aeronaves. Morais foi preso em setembro de 2020, acusado de ser o operador da quadrilha no Pará. Recebeu o benefício da prisão domiciliar. Na última 4ª feira (18.ago), voltou à prisão depois que a PF conseguiu novas provas contra ele. Ele foi um dos alvos da Operação SOS, que cumpriu 54 mandados de prisão temporária e 6 mandados de prisão preventiva.

“É uma quadrilha que vem atuando há bastante tempo. De 2019 para cá, [a quadrilha] encontrou no Estado do Pará a possibilidade de praticar esse tipo de crime”, declarou José Neto, delegado da Polícia Federal, ao Fantástico.

Fonte: Blog do BG


Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Postagem mais vistas