Pular para o conteúdo principal








 

Ciro Gomes diz que Lula pratica “fascismo” e “invade autonomia” do PDT


O candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, criticou, nesta quarta-feira (20), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pré-candidato do PT, por supostamente “invadir a autonomia do PDT” no Ceará com o objetivo de escolher o candidato ao governo do estado.

Em entrevista após ser oficializado como candidato do PDT ao Planalto, Ciro ainda afirmou que Lula está praticando “puro fascismo” com a senadora e pré-candidata do MDB à Presidência, Simone Tebet, ao atrair emedebistas e tentar negociar acordos com eles.

“O que está acontecendo é o seguinte: o Lula resolveu desconsiderar toda e qualquer ética e qualquer escrúpulo e resolveu destruir os partidos. Tentou operar no Ceará também com gente que eu ajudei a criar”, declarou Ciro. “O que Lula está fazendo no Ceará é invadir a autonomia do PDT para escolher o candidato”, acrescentou.

A assessoria de Lula informou que o ex-presidente não vai comentar as falas do pedetista.

Comentários

Aperte o play para ouvir