Sem réveillon, Pipa cogita mais de 6 mil cancelamentos de hospedagens e passeios

O já tradicional réveillon de Pipa, que reúne todos os anos turistas de várias partes do país, está ameaçado de não acontecer este ano. A decisão judicial que suspendeu o evento pode acabar motivando o cancelamento de 6 mil  hospedagens e passeios no Rio Grande do Norte. Um prejuízo ainda incalculável para os pequenos empresários do município de Tibau do Sul.

Além disso, sem o evento, a Prefeitura da cidade também será diretamente atingida, já que todos os anos é beneficiada com a arrecadação de ISS das festas privadas que são realizadas na praia mais famosa do Estado. 

Outra preocupação das autoridades locais é o fato de que, sem os eventos privados, a população poderá superlotar as ruas de Pipa, que provavelmente será bastante procurada por turistas independente da realização dos eventos.

Fonte: Portal Grande Ponto

Postar um comentário

1 Comentários

Prejuízo incalculável é quando morre mais de mil pessoas num dia,esses comerciantes gananciosos não vêem isso?Só pensam em dinheiro?