rede social

segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Juiz determina prisão de Henrique Alves


O juiz Marco Aurélio Paioletti Martins Costa, da 2ª Vara de Família de Natal (RN), expediu mandado de prisão contra o ex-ministro Henrique Alves, por falta de pagamento de pensão alimentícia. A dívida ultrapassa R$ 938 mil.

O processo começou ainda em 2017, quando Priscila Gimenez, sua ex-mulher, ingressou na Justiça para receber a pensão, que estava atrasada havia três meses. Na ocasião, Henrique Alves estava preso por causa das investigações envolvendo desvios de recursos na construção da Arena das Dunas.

No ano seguinte, ele passou a responder em liberdade, mas não regulou a dívida, que acumulou desde então.

Sonhando voltar à política em 2022, Henrique Alves segue ativo no Twitter. Ontem, parabenizou Baleia Rossi, presidente do MDB, e comemorou a pré-candidatura de Simone Tebet à Presidência. “MDB firme”, escreveu.

O ex-deputado será recolhido em cela separada dos demais detentos. Ironicamente, o benefício foi aprovado pela Câmara em 2014, quando o emedebista presidia a Casa.




Nenhum comentário:

Postagem mais vistas

Poastagem Destaque

Em 2020, o ex prefeito cassado e condenado pela justiça eleitoral, junto com sua trupe prometeu perfurar um Poço por mês em João Câmara, e ai, já perfurarão 12 poços este ano?

Como sempre nas campanhas eleitorais a maioria dos políticos realizam inúmeras promessas, e a trupe que esta no comando do município de João...