Pular para o conteúdo principal








 

TCU destina quase R$ 220 mil para ministros fazerem pilates e fisioterapia

 

O Tribunal de Contas da União (TCU) vai desembolsar R$ 216 mil para que os ministros da corte possam fazer exercícios físicos. Os juízes terão disponíveis serviços de pilates e fisioterapia, segundo o edital de licitação.

Os profissionais a serem contratados prestarão assistência individual e coletiva para a alta cúpula do TCU. Além disso, deverão gerenciar e executar um programa de “ginástica laboral”, entre outras tarefas no tribunal.

“Constitui o objeto da presente licitação a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços continuados de fisioterapia, inclusive na modalidade de pilates, nas dependências da sede do TCU, em Brasília”, informou a corte.

Comentários

Aperte o play para ouvir