BTemplates.com

Pular para o conteúdo principal



SINTE/RN: Assembleia aprova Fim da greve na rede estadual de ensino após categoria aceitar proposta do governo do RN

Confira a nova proposta para a implantação do Piso 2022 apresentada pelo Governo do Estado ao SINTE/RN durante audiência em 04 de março: * Para todos/as os professores/as que recebem abaixo do valor do Piso 2022 (R$3.845,63 - 40 horas; R$2.884,59 - 30 horas): reajuste de 33,24% em março, retroativo a janeiro. * Para os/as demais educadores/as, que atualmente recebem valor acima do Piso, implantação de percentuais cumulativos, sendo: 15,03% em março; 6% em novembro; e 9,28% em dezembro. * Retroativo de 15,03%, relativo aos meses de janeiro e fevereiro, pago em 9 (nove) parcelas, de abril a dezembro de 2022. * Retroativo do percentual restante pago em 12 parcelas, ao longo de 2023, desde que o pagamento mensal do retroativo fique abaixo de 2,5% da receita corrente líquida do Estado. Caso o percentual ultrapasse os 2,5%, o retroativo será pago em até 18 parcelas, de janeiro de 2023 a junho de 2024. 👉 O Governo levará o acordo ao Núcleo de Ações Coletivas (NAC) do Tribunal de Justiça do RN (TJRN). 👉 Adicionalmente, o Governo afirma que encaminhará um projeto de Lei à Assembleia Legislativa para a implantação linear na carreira. A proposta foi apresentada e debatida na tarde de 04/03, durante audiência na Governadoria. Presentes na audiência, além de dirigentes do SINTE/RN e assessoria do Sindicato, a Chefe do Executivo Estadual, governadora Fátima Bezerra; os/as Secretários/as de Educação, Planejamento, Administração e Gabinete Civil; o Controlador Geral; e o Procurador Geral do Estado. 🗣 A proposta será avaliada pela categoria durante Assembleia logo mais, na Escola Estadual Winston Churchill. ❗️PS. Em um primeiro momento, o Governo propôs quitar o restante do percentual do retroativo em 24 meses. Esse prazo foi considerado muito longo pelos sindicalistas e, com isso, o SINTE buscou reduzir o tempo de quitação do retroativo. Incialmente, o governo argumentou que poderia rediscutir o retroativo conforme melhoria na arrecadação estadual. Mas, na sequência, a Governadora se reuniu com parte de sua equipe e retornou com a proposta de quitação do retroativo em até 18 meses. #RedeEstadual #Piso2022 #Educação #SINTERN

Comentários

Anônimo disse…
A proposta da governadora superou a proposta do prefeito de João Câmara, que nem se quer ouviu a categoria, impôs a proposta e nem se que analisou a proposta da categoria do município de João Câmara.