terça-feira, 5 de outubro de 2021

Dívidas levam a justiça bloquear R$ 2,2 milhões do município de João Câmara

 

Diante das dificuldades encontradas pela administração para manter os compromissos com os precatórios devido um aumento imposto pela política de correção anual, na iminência de bloqueio e sequestro pela justiça de mais de dois milhões dos cofres públicos da Prefeitura Municipal de João Câmara, o Prefeito Manoel Bernardo, junto com sua equipe, esteve nesta sexta feira, reunido com o Juiz de Precatórios doutor Bruno Lacerda. Na oportunidade, foram apresentadas novas possibilidades de negociação para tentar equacionar essa dívida do município que fora adquirida por gestões anteriores.

Dívida essa que apenas com a COSERN se apresenta atualizada no valor de 24 milhões de Reais. “No momento difícil que passamos, precisamos estar constantemente voltando a planilha de cálculos, replanejando sempre para buscar o equilíbrio tão importe para manter a gestão nos trilhos. Muitas vezes é necessário até frear certos investimentos para manter os serviços funcionando” disse o prefeito mostrando-se preocupado com o pós pandemia, que ainda segundo ele, a “crise está apenas começando”.

Com informações do blog do Jadson 

Nenhum comentário:

Postagem mais vistas