quinta-feira, 7 de outubro de 2021

Atividades ligadas a artes, comunicação e inovação devem ganhar incentivos no RN


A efetivação da Política de Incentivo à Economia Criativa no Estado foi tema de audiência entre a governadora Fátima Bezerra (PT) e o deputado estadual Hermano Morais (PSB) nesta quarta-feira (6). Trata-se de um conjunto de ações capaz de fomentar atividades ligadas a artes, comunicação e inovação no RN.

A Lei da Economia Criativa foi proposta por Hermano Morais na Assembleia Legislativa e sancionada no mês de janeiro deste ano. A proposta prevê uma série de incentivos para aquecer as atividades que, segundo o parlamentar, podem ampliar significativamente a oferta de ocupação e renda no Estado.

“Fomentar a Economia Criativa é de suma importância no cenário do desenvolvimento econômico, social e cultural do Rio Grande do Norte. A Lei já foi sancionada e aguarda agora a sua efetivação, para que possa cumprir com os seus objetivos”, explica Hermano, ressaltando que 2021 é o ano internacional da Economia Criativa.

A governadora Fátima Bezerra se comprometeu a regulamentar a lei após ampla discussão com diversos setores da sociedade. "O nosso interesse em colocar a lei em prática é total. É uma pauta importante para a nossa economia e que com certeza vai trazer mais oportunidades de renda para microempreendedores", disse.

O grupo de trabalho terá o objetivo de detalhar o que vem sendo feito e ações a serem desenvolvidas em conjunto com pastas que podem ser inseridas no contexto da economia criativa. O grupo será formado por representantes das secretarias de Turismo e de Assistência Social, da Agência de Fomento e da Fundação José Augusto.




Nenhum comentário:

Postagem mais vistas