Pular para o conteúdo principal

Radio Conexão Mato Grande Play

LAPAC JOÃO CÂMARA - 3262-3478 - 99401-7616


Potigás é mais uma vez premiada na categoria Responsabilidade Social

blog do jasão

A Companhia Potiguar de Gás (Potigás) recebeu o prêmio de Responsabilidade Social no 2º Fórum LIDE de Energia, realizado na manhã desta sexta-feira, 24, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. No evento, promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais do RN, empresas e lideranças relacionadas em 25 categorias dos setores de energia, petróleo e gás foram homenageados.

 

Esse é o segundo prêmio, em 2023, que a Potigás recebe nessa categoria. Em maio, no Dia Mundial da Energia, a empresa venceu a votação do Líderes da Energia, promovido pelo Grupo Mídia, realizado em São Paulo.

 

A diretora-presidente da Potigás, Marina Melo, destacou a importância do aumento do investimento na Cultura e no Esporte do Rio Grande do Norte.

 

“Esse é mais um reconhecimento que recebemos pela política de responsabilidade social adotada pela Potigás através do edital ‘Natural como fazer o bem’ que está consolidado. Esse ano recebemos 115 inscrições, um recorde entre todas as edições. Através das leis estaduais de incentivo, aumentamos em quase 500% o aporte de recursos aos projetos, resultando num apoio ainda mais efetivo a projetos sociais, culturais e esportivos no nosso Estado. É mais uma contribuição que a Potigás dá para o desenvolvimento do RN”, afirmou.

 

O 2º Fórum LIDE de Energia ainda contou com a palestra “Novos mercados para o setor energético do RN”, ministrada por Hugo Fonseca, coordenador de Desenvolvimento Energético do Estado.

 

A diretora-presidente da Potigás foi uma das representantes dos homenageados e destacou a importância do gás natural na transição energética. “O gás natural é o combustível da transição energética, ambientalmente sustentável e que garante a estabilidade do sistema. E a Potigás está investindo na infraestrutura do nosso estado para expandir ainda mais o setor. Serão mais de R$ 50 milhões nos próximos três anos, sendo R$ 26 milhões para levar o gás natural para a região salineira através do Polo Gás Sal”, destacou.

 

Responsabilidade Social

Em 2022, os recursos do Edital Natural Como Fazer o Bem passaram de R$ 120 mil para R$ 700 mil através da adesão à Lei Estadual de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo e ao Programa de Incentivo RN+ Esporte e Lazer Professor Sebastião Cunha. A edição 2023/2024 do edital está na fase da seleção dos projetos.

 

Laíssa Costa – Gerente de Comunicação e Marketing

Talita Lucena – Analista de Comunicação





Comentários